Como ajudar a um familiar em risco de suicídio?

Webinar Gratuito
  • Público alvo:

    Pessoas com interesse na temática

  • Período

    21/09/2020
    20h

  • Local

    Online


Investimento

  • Webinar Gratuito

Inscreva-se no evento

O suicídio é um tema  complexo e de causas multifatoriais que marca profundamente a vida de inúmeras  famílias. Sempre que nos deparamos com uma suspeita ou  identificamos  a presença do  risco de suicídio em alguém,  o auxílio de profissionais da psicologia e ou psiquiatria é fundamental. Mesmo com ajuda de equipes especializada, a participação de  amigos  e familiares também é de grande valia. Normalmente, as pessoas mais próximas tem  medo e receio. Há dúvidas sobre como ajudar e isso  muitas vezes nos paraliza. Se você tem dúvidas de como pode ajudar alguém nesta situação, seja um amigo ou familiar, participe deste encontro.Este Webinar gratuito tem como objetivo oferecer diretrizes gerais para melhorar o contexto familiar e a interação com alguém que esteja em tratamento por risco de suicídio.

 

Palestrantes


Psic. José Ignacio Cruz Gaitán (México)

Psicólogo. Mestre em Psicoterapia. Membro da equipe CEFI Cora e Contextus.
Formado em Terapia dialéctica Conductual pelo Behavioral Tech e com múltiples
treinamentos em Terapia de Aceitação e Compromiso, Terapia Analítico-Funcional e
diversas terapias Contextuais. Miembro da ACBS Chapter México, Diretor do Centro
de Terapia Conductual de Occidente em Guadalajara, México. Co-autor do livro
“Duelo: Tratamiento basado en la terapia de Aceptación y Compromiso” assim
como artigos e capítulos de livro sobre suicídio e luto. Tem experiência clínica com
pacientes em risco de suicídio, luto por suicídio, Depressão, Ansiedade e pacientes
com dificultades de regulação emocional.


Psic. Ana Maria Dall'Agnese

Psicóloga,  especialista em atendimento clínico com ênfase em Psicanálise pela UFRGS  e
Terapia Sistêmica pelo CEFI. É membro do  CORA, núcleo de estudos sobre luto do CEFI.
É docente convidada em curso de pós-graduação em intervenções no luto e  Supervisora do
estágio em clínica  para alunos de graduação em psicologia com ênfase em luto  e também 
para os alunos da especialização no CEFI.  Trabalha também como coordenadora em grupo
terapêutico para enlutados. É uma das autoras da publicação Perda sem nome: como superar
a ausência de pessoas queridas, lançada em 2012 pela organização pan-americana de saúde.
Atualmente trabalha como psicóloga clínica em consultório particular. Tem experiência em
coordenação de grupo com enlutados, em psicologia clínica e de reabilitação, atuando principalmente
nos seguintes temas: psicologia sistêmica, psicanálise, luto e reabilitação, atende família, casal,
adolescentes e adultos.  

 

 

Núcleos responsáveis: CORA E VIDA